Amir Klink

"Um homem precisa de viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens ou TV. Precisa de viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu. Para um dia plantar as suas árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o próprio tecto. Um homem precisa de viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver." Amir Klink















quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Dia 9. Conduzido por mapas.

Quinta 23/9.

7 da manhã, o telemóvel começa a tocar a mesma música que tenho no ring ding e hoje não quero falhar. Como disse ontem, tinha combinado com o padre Doriano oração e pequeno almoço de seguida.

Deixo para trás o pequeno castelo de Monteregione e à hora combinada (mais 5 minutos, como de costume) apareço. O local combinado era outra igreja de uma povoação próxima, mais um espaço digno de visita. Depois comemos com Patrik do Uganda e Luís Jorge Almeida, um brasileiro. Ambos trabalhavam para a paróquia. O tempo foi passando, de agradável que estava a ser, e eu tinha que partir.

Combinei encontro com Luís na Abadia Isola, que ele ia abrir a 4kms dali . Antes de partir o padre queria oferecer-me várias coisas para comer pelo caminho - tanto insistiu que eu aceitei. Para além disso ofereceu-me mapas da etapa que ia fazer hoje e propus-me a viajar por esses mapas.

Despedi-me calorosamente e segui com Luís. Chegando à abadia descubro que esta era antiquíssima, datava do ano 1001 feita pela ocasião da passagem do papa por aquele traçado de peregrinação. Olho para o relógio e... 11:15! Nem parecia que queria andar hoje. Lá segui, um pouco por asfalto mas maioria por alcatrão, e em pouco mais de uma hora alcanço San Gimiano.

A quantidade turistas era enorme! Se eu pensava que quando deixava Roma os monumentos terminavam estava bem enganado... e ainda bem! As aldeias, vilas e cidades... tudo é histórico, com muralhas e torres, abadias e catedrais, museus lojas restaurantes, enfim estou encantado com tudo aquilo que tenho encontrado!

San Giminiano tem 5 altas torres que em algumas fotos parecem as Twin Towers que alguém decidiu deitar abaixo, só que estas já estavam de pé séculos antes das outras serem feitas.

Embora tenha feito poucos kms decido almoçar por aí, escolho um parque onde naquela hora um casal artista de voz e guitarra demonstrava o bem que sabia tratar a música. Eu não era o único a ter gostado do local, mais turistas faziam aí o seu pic-nic, coisa que agora faço todos os dias, he he.

Faço-me à estrada e parece-me que me enganei. Fiz uns kms a mais, com mais subidas também, mas o certo é que naqueles 20 kms vi ciclistas como em lado algum. Acho que era uma rota de turismo e havia ciclistas de várias nações.

Como o tempo se fazia curto tive que deixar a navegação por mapas devido ao risco de tornar a errar e perder o albergue em Altopascio, até porque tinha que parar muitas vezes para confirmar o traçado que levava. Pelo caminho passou um casal a rolar a 32kms/hora e pumba, Samuel na roda deles uns 10 minutos!

Ao aproximar-me da povoação de destino o GPS mostra-me que havia trilhos e como estava com tempo decido experimentar um. Azar, tinha lagoas de água e lama e quase tive que voltar atrás... mesmo assim não correu muito mal!

Hoje o albergue é gratuito e quando perguntei onde poderia colocar uma oferta disseram-me que não havia, fazem mesmo questão de ser a custo zero, numa das instalações da Câmara relativamente novas.

Um abraço peregrino,

Samuel Santos

3 comentários:

  1. Olá Samuel;
    Neste comentário deves de estar a questionar-te-Mas que raio é este Santix-Esquece esse pensamento e desfruta da aventura e sempre que possível dos meus comentários.Eu disse-te que viajaria contigo,o que estou a fazer.

    Folgo em ler que andas um pouco relaxado isso é bom mas ao mesmo tempo mau,porque acabas por atrasar a tua média e objectivo,mas como não sei qual o teu objectivo,goza todos os momentos que te aparecerem.

    Podias falar também um pouco do tempo atmosférico que aí está,é sempre uma curiosidade!!!

    Dorme bem e até amanhã.
    Santix

    ResponderEliminar
  2. Calculo que para o ano que vem, não falem ao Samu de pic-nic!!?? LOL

    ResponderEliminar
  3. Samuéliiiii
    Estou a adorar esta tua viagem, Continua assim amigo.
    Diverte-te e aproveita ao máximo como tens feito.
    Estou de viagem para o Geo-raid, mas preferia estar a acompanhar-te... quem sabe um dia.
    Grande abraço
    CV

    ResponderEliminar